Manejo de protuberância em lábios com ácido hialurônico: relato de caso

Authors

  • Renata Gontijo Bernardes Lins
  • Marivone Batista Ribeiro Polesso
  • Alberto Tadeu do Nascimento Borges
  • Lizete Karla Filgueiras de Souza
  • Zobélia Maria de Souza Lopes
  • Luã Lopes Borges

DOI:

https://doi.org/10.55905/rdelosv17.n56-011

Keywords:

preenchimento labial, ácido hialurônico, complicações estéticas, massagem terapêutica

Abstract

Com a ascensão das redes sociais, a busca pela imagem perfeita aumentou significativamente nas últimas décadas, criando uma conexão entre o bem-estar e a realização de procedimentos estéticos como o preenchimento labial com ácido hialurônico (AH). Em setembro de 2016, o Conselho Federal de Odontologia (CFO) autorizou o uso de preenchedores faciais por cirurgiões-dentistas, ampliando o escopo de atuação desses profissionais. O AH se estabeleceu como um preenchedor confiável e seguro, embora não isento de riscos, destacando a importância do conhecimento anatômico e técnico para minimizar complicações. O objetivo deste trabalho foi apresentar um caso de massagem com vaselina para a redução de protuberâncias nos lábios, uma complicação pós-preenchimento com AH, e evidenciar a importância do reconhecimento precoce e do manejo adequado dessa condição. Paciente I. A. C. S., 30 anos, leucoderma, compareceu à clínica de Pós-Graduação em Harmonização Orofacial da Faculdade do Amazonas – IAES com a queixa principal de lábios inchados após preenchimento labial com AH. O tratamento proposto foi a realização de massagem no local utilizando vaselina para melhorar o fluxo vascular e a perfusão tecidual. Conclui-se que a massagem com vaselina, aplicada de forma correta e precoce, pode ser uma intervenção eficaz na redistribuição do AH e na melhoria do fluxo vascular, resultando em uma resolução satisfatória das protuberâncias em apenas uma sessão. Este caso ressalta a relevância de um tratamento oportuno e adequado para garantir resultados positivos e minimizar complicações estéticas.

References

ALCANTARA, A. R. et al. Non surgical approach to treat lip vascular complication caused by hyaluronic acid filler. Journal of Craniofacial Surgery, v. 33, n. 1, p. e76–e78, 2022.

CHIAPPINA, A.; PEREIRA, P. A.; MORIMOTO, S. Intercorrências com ácido hialurônico: necrose labial. Facsete, v. 1, n. 1, p. 1–14, 2020.

COHEN, J. L. et al. Treatment of hyaluronic acid filler-induced impending necrosis with hyaluronidase: consensus recommendations. Aesthetic surgery journal, v. 35, n. 7, p. 844–849, 2015.

COLON, J. et al. Adverse events reported from hyaluronic acid dermal filler injections to the facial region: a systematic review and meta-analysis. Cureus, v. 15, n. 4, 2023.

COLON, J. et al. Adverse events reported from hyaluronic acid dermal filler injections to the facial region: a systematic review and meta-analysis. Cureus, v. 15, n. 4, 2023.

COOPER, H. et al. Lip augmentation with hyaluronic acid fillers: a review of considerations and techniques. Journal of drugs in dermatology: JDD, v. 22, n. 1, p. 23–29, 2023.

DE BOULLE, K.; HEYDENRYCH, I. Patient factors influencing dermal filler complications: prevention, assessment, and treatment. Clinical, Cosmetic and Investigational Dermatology, v. 8, p. 205, 2015.

DELBONI, C. H. M. Intercorrências vasculares com ácido hialurónico associadas ao preenchimento labial: revisão narrativa. 2023. - Universidade Fernando Pessoa, Porto, 2023.

GAVA, B.; SUGUIHARA, R. T.; MUKNICKA, D. P. Complicações e intercorrências no preenchimento labial com ácido hialurônico. Research, Society and Development, v. 12, n. 5, p. e28412541900, 2023.

GREENE, R. M. Comparing the use of injectable fillers for the youthful lip and the more mature lip. Facial plastic surgery: FPS, v. 35, n. 2, p. 134–139, 2019.

GUPTA, A.; MILLER, P. J. Management of lip complications. Facial Plastic Surgery Clinics of North America, v. 27, n. 4, p. 565–570, 2019.

KROUMPOUZOS, G. et al. Complications of fillers in the lips and perioral area: Prevention, assessment, and management focusing on ultrasound guidance. Journal of plastic, reconstructive & aesthetic surgery: JPRAS, v. 84, p. 656–669, 2023.

MACHADO, R. A. et al. Adverse reactions to the injection of face and neck aesthetic filling materials: a systematic review. Medicina oral, patologia oral y cirugia bucal, v. 28, n. 3, p. e278–e284, 2023.

MATIOLLI, I. P.; SUGUIHARA, R. T.; MUKNICKA, D. P. Adverse reactions of lip fillers with hyaluronic acid. Research, Society and Development, v. 12, n. 12, 2023.

MURRAY, G. et al. Guideline for the management of hyaluronic acid filler-induced vascular occlusion. Journal of Clinical and Aesthetic Dermatology, v. 14, n. 5, p. E61–E69, 2021.

ODONTOLOGIA, C. F. de. Ato normativo: transparência CFO. Resolução CFO-176, de 06 de setembro de 2016. 2016. Disponível em: https://transparencia.cfo.org.br/ato-normativo/?id=2331. Acesso em: 14 abr. 2024.

PENG, T. et al. The selection of hyaluronic acid when treating with the nasolabial fold: A meta- analysis. Journal of Cosmetic Dermatology, v. 21, n. 2, p. 571–579, 2022.

PEREIRA, P. E. et al. Intercorrências relacionadas ao uso do ácido hialurônico no preenchimento labial pelo cirurgião-dentista: uma revisão de literatura. Brazilian Journal of Health Review, v. 5, n. 6, p. 22673–22682, 2022.

RAMOS, M. et al. Intercorrências na aplicação de ácido hialurônico no preenchimento labial: um relato de caso. Rev Cient da Unifenas, v. 5, n. 1, p. 41–50, 2023.

RHO, N. K. et al. Lip lifting efficacy of hyaluronic acid filler injections: a quantitative assessment using 3-dimensional photography. Journal of clinical medicine, v. 11, n. 15, 2022.

RODRIGUES, T. L. D. M. C. Preenchimento labial com ácido hialurônico e suas possíveis complicações. 2021. 1–32 f. - Faculdade Sete Lagoas, 2021.

ROUANET, C. et al. Management of vascular complications following facial hyaluronic acid injection: high-dose hyaluronidase protocol: a technical note. Journal of Stomatology, Oral and Maxillofacial Surgery, v. 123, n. 2, p. 262–265, 2022.

SAFRAN, T. et al. Evaluating safety in hyaluronic acid lip injections. Expert opinion on drug safety, v. 20, n. 12, p. 1473–1486, 2021.

SIGNORINI, M. et al. Global aesthetics consensus: avoidance and management of complications from hyaluronic acid fillers-evidence- and opinion-based review and consensus recommendations. Plastic and reconstructive surgery, v. 137, n. 6, p. 961e-971e, 2016.

SOUZA, A. S. et al. Complicações e lesões orais associadas ao preenchimento labial com ácido hialurônico. Revista da Faculdade de Odontologia de Porto Alegre, v. 65, p. 1–19, 2024.

TRINH, L. N.; MCGUIGAN, K. C.; GUPTA, A. Delayed granulomas as a complication secondary to lip augmentation with dermal fillers: a systematic review. Surgery journal (New York, N.Y.), v. 8, n. 1, p. e69–e79, 2022.

ZACCARIA, G. et al. Filler-induced complications of the lips: 10 years experience with intralesional laser treatment and refinements. Journal of plastic, reconstructive & aesthetic surgery: JPRAS, v. 75, n. 3, p. 1215–1223, 2022.

ZHANG, Y. L. et al. Retrospective study of vascular complications caused by hyaluronic acid injection. Aesthetic plastic surgery, v. 47, n. 6, p. 2745–2753, 2023.

Published

2024-06-18

How to Cite

Lins, R. G. B., Polesso, M. B. R., Borges, A. T. do N., Souza, L. K. F. de, Lopes, Z. M. de S., & Borges, L. L. (2024). Manejo de protuberância em lábios com ácido hialurônico: relato de caso. DELOS: Desarrollo Local Sostenible, 17(56), e1512. https://doi.org/10.55905/rdelosv17.n56-011

Issue

Section

Articles