Análise das características físicas e propriedades mecânicas de argamassas com substituição fracionária do agregado miúdo por resíduos de madeira e com adição de papel

Authors

  • Tainá Ceron Arcaro
  • Jorge Henrique Piva
  • Aline Eyng Savi
  • Rafael de Paula Gurkewicz
  • Bruna Juvêncio Frasson
  • Augusto Wanderlind
  • Elaine Guglielmi Pavei Antunes

DOI:

https://doi.org/10.55905/rdelosv17.n55-007

Keywords:

substituição, serragem, agregado miúdo, papel

Abstract

Este trabalho consiste em substituir o agregado miúdo por resíduo de madeira, juntamente com adição de papel em traço de argamassa e analisar suas características físicas e propriedades mecânicas. Nas misturas foram utilizados o traço 1:5 (cimento: areia) e adotado um percentual de substituição de 5 e 10% em volume para o resíduo de madeira e para a adição de papel foi fixada a porcentagem de 75% em relação a massa do resíduo de madeira substituído. O resíduo de madeira utilizado passou por um tratamento químico com NaOH a fim de estabilizar e neutralizar algumas características da madeira. Foram verificadas a influência da inserção dos resíduos nas argamassas através dos ensaios de determinação da retenção de água, densidade de massa, absorção de água por capilaridade, massa específica, resistência à tração na flexão, compressão axial, módulo de elasticidade e resistência à aderência à tração. Houve uma diminuição na retenção de água conforme a substituição do agregado pelo resíduo de madeira e um aumento com a adição de papel, verificou-se também diminuição na densidade de massa. Nos ensaios mecânicos não houve diferença significativa entre as amostras, apenas o traço com 5% de substituição de madeira apresentou resultado superior aos demais na resistência a compressão. A mistura com melhor resistência à aderência no bloco cerâmico foi o traço com 10% de substituição de madeira.

References

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 8522: Concreto endurecido - Determinação dos módulos de elasticidade e de deformação - Parte 1: Módulos estáticos à compressão. Rio de Janeiro, 2021.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 9778: Argamassa e concreto endurecidos – Determinação da absorção de água, índice de vazios e massa específica. Rio de Janeiro, 2005.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13276: Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Determinação do índice de consistência. Rio de Janeiro, 2016.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13277: Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Determinação da retenção de água. Rio de Janeiro, 2005.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13278: Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Determinação da densidade de massa e do teor de ar incorporado. Rio de Janeiro, 2005.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13279: Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à compressão. Rio de Janeiro, 2005.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13280: Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Determinação da densidade de massa aparente no estado endurecido. Rio de Janeiro, 2005.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13528: Revestimento de paredes de argamassas inorgânicas – Determinação da resistência de aderência à tração. Rio de Janeiro, 2019.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13749: Revestimento de paredes e tetos de argamassas inorgânicas - Especificação. Rio de Janeiro, 2013.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 15259: Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Determinação da absorção de água por capilaridade e do coeficiente de capilaridade. Rio de Janeiro, 2005.

AIGBOMIAN, E. P.; FAN, M. Development of wood-crete from treated sawdust. Construction And Building Materials, [S.L.], v. 52, p. 353-360, fev. 2014. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.conbuildmat.2013.11.025.

AIGBOMIAN, E. P.; FAN, M. Development of Wood-Crete building materials from sawdust and waste paper. Construction And Building Materials, [S.L.], v. 40, p. 361-366, mar. 2013. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.conbuildmat.2012.11.018.

ADILI, A.; LACHHEB, M.; BRAYEK, A.; GUIZANI, A.; NASRALLAH, S. B. Estimation of thermophysical properties of lightweight mortars made of wood shavings and expanded polystyrene beads using a hybrid algorithm. Energy And Buildings, [S.L.], v. 118, p. 133-141, abr. 2016. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.enbuild.2016.02.039.

BRÁS, A., LEAL, M., FARIA, P. Cement-cork mortars for thermal bridges correction. Comparison with cement-EPS mortars performance. Construction and Building Materials, 49, 315–327. 2013. https://doi.org/10.1016/j.conbuildmat.2013.08.006

BRASIL, C. Da celulose ao papel: como funciona essa cadeia produtiva? 2020. Disponível em: http://croplifebrasil.org/noticias/da-celulose-ao-papel-como-funciona-essa-cadeia-produtiva/. Acesso em: 08 dez. 2020.

BEDERINA, M.; LAIDOUDI, B.; GOULLIEUX, A.; KHENFER, M. M.; BALI, A.; QUÉNEUDEC, M. Effect of the treatment of wood shavings on the physico-mechanical characteristics of wood sand concretes. Construction And Building Materials, [S.L.], v. 23, n. 3, p. 1311-1315, mar. 2009. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.conbuildmat.2008.07.029.

CARASEK, H.; Argamassas. In: ISAIA, G. C. (Org.). Materiais de Construção Civil e Princípios de Ciência e Engenharia de Materiais. 2ª ed. São Paulo – SP, v 2, 2010.

COELHO, J. F. M. Análise do ciclo de vida de argamassa com resíduos de madeira. 2019. 90 f. Dissertação (Mestrado) – Curso de Engenharia Civil – Faculdade de Ciências e Tecnologia Universidade de Lisboa, Portugal, 2019.

CORINALDESI, V.; MAZZOLI, A.; SIDDIQUE, R. Characterization of lightweight mortars containing wood processing by-products waste. Construction And Building Materials, [S.L.], v. 123, p. 281-289, out. 2016. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.conbuildmat.2016.07.011.

CORRÊA, L. R. SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO CIVIL. 2009. 70 f. Monografia (Especialização em Construção Civil) - Curso de Engenharia Civil, Escola de Engenharia da Ufmg, Belo Horizonte, 2009.

DIAS, O. A.; SIMONELLI, G. QUALIDADE DA MADEIRA PARA A PRODUÇÃO DE CELULOSE E PAPEL. Enciclopédia Biosfera, Goiânia, v. 9, n. 17, p. 3632-3646, 01 dez. 2013.

IBÁ, Industria Brasileira de Árvores (org.). Relatório 2019. São Paulo: Studio 113, 2019. 80 p. Disponível em: www.iba.org. Acesso em: 16 abr. 2020.

GOMES, A. de O.; NEVES, C. M. M. Proposta de método de dosagem racional de argamassas contendo argilominerais. Ambiente Construído, v. 2, n. 2, p. 19-30, 2002.

KAZMIERCZAK, C. S. Produtos de Cerâmica Vermelha. In: ISAIA, G. C. Materiais de Construção Civil e Princípios de Ciências e Engenharia de Materiais. 2.ed. São Paulo: Ibracon, 2010

MACIEL, L. L.; BARROS, M. M. S.; SABBATINI, F. H. Recomendações para a execução de revestimentos de argamassa para paredes de vedação internas e exteriores e tetos. São Paulo. 1998.

MALAGONI, M. A.; SCARTEZINI, V. Análise dos resultados de resistência de aderência em revestimentos de argamassa. 2013. 389 fls. Trabalho de Graduação (Graduação em Engenharia Civil) - Universidade Federal de Goiás. Goiânia, 2013

MARGRAF. TIPOS DE PAPEL E APLICAÇÕES. 2020. Disponível em: https://www.margraf.com.br/tipos-de-papel-e-aplicacoes/. Acesso em: 07 dez. 2020

MARTINHO, P. A. G. Análise do comportamento de argamassas com a incorporação de “pellets” de madeira. 2017. 121 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Engenharia Civil, Faculdade de Ciências e Tecnologia Universidade de Lisboa, Portugal, 2017.

OTTEN, K. A.; BRISCHKE, C.; MEYER, C. Material moisture content of wood and cement mortars – Electrical resistance-based measurements in the high ohmic range. Construction And Building Materials, [S.L.], v. 153, p. 640-646, out. 2017. Elsevier BV. http://dx.doi.org/10.1016/j.conbuildmat.2017.07.090.

RATO, V. Influência da microestrutura morfológica no comportamento de argamassas. Dissertação de Doutoramento em Engenharia Civil, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Nova de Lisboa. 2006.

SCHWANTES, C. G. G. Concreto estrutural leve: resistência à compressão e módulo de elasticidade usando argila expandida como agregado graúdo. 2012. 79 p. TCC (Graduação) – Curso de Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.

SILVA, J. A. da; PIVA, J. H.; WANDERLIND, A; SAVI, A. E.; ANTUNES, E. G. P. Análise das características físicas e propriedades mecânicas de argamassa com inserção de resíduos de madeira. Revista Matéria, Rio de Janeiro, v. 26, n. 01, p. 1-11, jan. 2021

SANTOS, A. M. dos; CABRAL, L. M. C.; MONTEIRO, E. B.; HELENE, P. R. do L. ANALISE DO MÓDULO DE ELASTICIDADE ESTÁTICO E DINÂMICO PARA DIFERENTES DOSAGENS DE CONCRETO. In: CONGRESSO BRASILEIRO O CONCRETO, 55., 2013, Florianópolis. Anais [...] . Florianópolis: Ibracon, 2013. p. 1-13.

SOUZA, R. P. de. Uso de resíduos de papel em compostagem agrícola. 2018. 48 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Produção Vegetal, Universidade Federal de Minas Gerais, Montes Claros, 2018. Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/bitstream/1843/NCAP-AZXRLV/1/rejane_pereira_de_souza_disserta__o_versao_final_4junho.pdf. Acesso em: 07 dez. 2020.

VILPERT, G. C. Telha de Concreto: Adição de fibra derivada de bagaço de cana-de-açúcar. 2018. 19 f. TCC (Graduação) - Curso de Engenharia Civil, Universidade do Extremo Sul Catarinense - Unesc, Criciuma, 2018.

UNI EN 1015-3, Metodi di prova per malte per opere murarie - Parte 3: Determinazione della consistenza della malta fresca (mediante tavola a scosse), 2007.

ZENID, J. G. Madeira na Construção Civil. Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, São Paulo, 2011.

ZANELATO, E. B.; ALEXANDRE, J.; AZEVEDO, A. R. G. de. AVALIAÇÃO DA ADERÊNCIA À TRAÇÃO DE ARGAMASSAS APLICADAS EM BLOCOS CERÂMICOS. 73º Congresso Anual da Abm, São Paulo, v. 1, n. 73, p. 1-7, 02 out. 2018.

Published

2024-05-06

How to Cite

Arcaro, T. C., Piva, J. H., Savi, A. E., Gurkewicz, R. de P., Frasson, B. J., Wanderlind, A., & Antunes, E. G. P. (2024). Análise das características físicas e propriedades mecânicas de argamassas com substituição fracionária do agregado miúdo por resíduos de madeira e com adição de papel. DELOS: Desarrollo Local Sostenible, 17(55), e1429. https://doi.org/10.55905/rdelosv17.n55-007

Issue

Section

Articles

Most read articles by the same author(s)